Granbr digital

19 julho 2024
Home » Notícias » Leite » SUPERVACA BRASILEIRA QUEBRA RECORDE MUNDIAL DE PRODUÇÃO DE LEITE

SUPERVACA BRASILEIRA QUEBRA RECORDE MUNDIAL DE PRODUÇÃO DE LEITE

Marília FIV Teatro de Naylo conquista o título global, enquanto a vaca Poesia desafia o legado com nova marca extraordinária.

A vaca girolando que estabeleceu um novo padrão em produção leiteira é Marília FIV Teatro de Naylo, conquistando o recorde mundial ao produzir 127,6 quilos de leite em três ordenhas em 2019. Este feito inseriu-a no Guinness Book em 2020 como a vaca com a maior produção de leite mundial em um dia. A pecuária leiteira, crucial na economia global, enaltece Marília por sua contribuição significativa. Ela superou o antigo recorde de ‘Ubre Blanca’, vinculado a Fidel Castro.

Marília FIV Teatro de Naylo, uma exemplar da raça Girolando, destacou-se ao quebrar um recorde global de 39 anos, graças à sua produção leiteira extraordinária. Propriedade do Núcleo Girovale, essa vaca não apenas obteve reconhecimento no Guinness World Records, mas também ganhou destaque no setor agropecuário. Nascida em 2014 em São Paulo, Marília simboliza a raça Girolando, que revolucionou a pecuária leiteira brasileira com sua produtividade.

A Girolando, predominante na produção leiteira do Brasil, resulta do cruzamento entre as raças Holandesa e Gir, combinando alta produção e adaptabilidade tropical. Continuamente aprimorada, essa raça também progride em sustentabilidade.

Durante a Expass Agro de 2023, a vaca Poesia produziu 144,2 quilos de leite, potencialmente superando o recorde de Marília. Apesar das celebrações, a confirmação oficial pelo Guinness é necessária para validar o novo recorde. Contudo, Poesia já é reconhecida como uma notável produtora de leite.

Siga-nos nossas redes sociais para receber em primeira mão as principais notícias do mundo do agronegócio!

+ Notícias

Envie-nos uma mensagem

plugins premium WordPress